De cara nova!

Estão chegando muitas novidades bacanas para os nossos clientes em 2015. Aguardem!

ervas

Anúncios

Tortinhas de limão (Versão Raw Food)

Já faz um tempo em que eu pensava em testar uma receita. Hoje deu certo — quase certo — pois eu não tinha exatamente todos os ingredientes.

img1365550283679Tortinhas de limão, na versão Raw Food

Massa da torta:

  • 1/2 xícara de castanhas do pará;
  • 1/2 xícara de amêndoas cruas;
  • 1 colher de café rasa de cacau em pó orgânico;
  • 1/2 xícara de ameixa seca sem caroço.

Creme:

  • 1/2 abacate;
  • 1 colher de sopa de essência de baunilha;
  • 1 colher de café de suco de limão;
  • 1 colher e 1/2 de óleo de coco OU melado de cana.

Preparo: coloque no processador todos os ingredientes da torta e deixe bater muito bem. Pegue uma quantidade pequena da mistura, amasse com as mãos e deixe-a em formato de tortinha- Você vai perceber o quanto “oleosa” essa mistura fica. Eu fiz 5 tortinhas, o restante, amassei em formato de cookie e coloquei no forno para assar!

Bata os ingredientes do creme no liquidificador. Prove e veja se está do seu gosto, caso não, acrescente mais o que preferir. Recheie as tortinhas com o creme e por último coloque 3 pedacinhos de chocolate amargo por cima.

img1365549139525

Essa é uma ótima opção de sobremesa: castanha do pará contendo selênio, mineral importantíssimo para manter uma vida saudável e equilibrada; amêndoas com vitaminas, minerais e ácidos graxos essenciais; o abacate rico em nutrientes, vitaminas, gorduras boas para o organismo atuando como antioxidante e ameixas secas contento fibras!

Gostaram?

Dica: Como fazer leite de castanhas e Como preparar Quinoa + um bom livro!

Vídeos

Adoro quando encontro um vídeo criativo mostrando receitas e pessoas de bem com a vida na cozinha.

Então veja esses dois aqui: Como fazer leite de castanhas e Como preparar Quinoa

Os dois vídeos foram feitos por Sarah B, autora do blog My New Roots.

533984_470096529729187_668793980_n

 

Livro e Depoimento:

Fiquei muito feliz pois finalmente chegou o livro que eu tanto esperava: Aran Goyoaga “Small Plates & Sweet Treats”

 

 

 

Olha só o depoimento dela sobre o lançamento do livro:

 E você, tem algum vídeo para compartilhar?

Bolo leite de amêndoa ❤

Olá, pessoal!

Acaba de sair do forno mais um bolo feito e criado por mim, especialmente pra quem gosta de inovar na cozinha!

IMG_0331

Resolvi usar farinha e flocos sem glúten e também não usei ovos…  Vamos aos ingredientes:

  • 2 xícaras de farinha especial da Beladri (s/ glúten)
  • 1/2 xícara de açúcar orgânico
  • 1 e 1/2 xícara de amêndoa sem casca e uva passa processadas grosseiramente (juntas)
  • 3/4 xícara de flocos de amaranto e flocos de quinua (juntos)
  • 1 colher de sobremesa de canela em pó
  • 2 colheres de sobremesa de manteiga s/ sal derretida
  • 1 e 1/2 de bebida de arroz com amêndoa da Jasmine
  • 1 colher de sopa de fermento em pó

O preparo é super simples:

Misture todos os ingredientes secos e, separadamente, misture a manteiga derretida com a bebida de arroz. Despeje os líquidos na mistura dos secos e mexa muito bem com o auxilio de um batedor. Não estranhe, a massa ficará mais grossa do que a de um bolo simples e você verá os pedacinhos das amêndoas, da uva passa e os flocos. Se necessário, acrescente mais um pouquinho de bebida de arroz. Dissolva o fermento em pó em um dedo de água filtrada, junte-o na massa do bolo e mexa delicadamente até incorporá-lo. Despeje a massa em uma forna untada e leve ao forno pré-aquecido a 220ºc. No meu forno o bolo ficou assando por uns 30 minutos!

Se eu pudesse fotografar o cheiro da minha cozinha…. E o som da vitrola na voz de Jorge Ben….

Viram o meu prato de bolo improvisado? IMG_0318

Ele é um prato de parede que minha mãe pintou já faz uns 12 anos, e uma taça lindíssima do casamento dela como suporte. Gostaram?

 

 

 

Abaixo segue as informações nutricionais de alguns dos ingredientes:


Ingrediente Informações nutricionais
Amêndoa Contém: fósforo, magnésio, Vit E e B2, ácidos graxos essenciais, fundamentais para redução do colesterol e auxílio contra doenças cardiovasculares.
Amaranto Contém: Vit. A, B6, riboflavina (B2), folato (ácido fólico), cálcio, ferro, magnesio, fósforo, potássio, zinco, cobre, e manganês, também auxilia como redutor dos níveis de colesterol. Não contém glúten.
Quinua Proteína de alto valor biológico, contém todos os aminoácidos essenciais, fibras, ferro, cálcio, fósforo e algumas vitaminas. Não contém glúten.

 

Abraços,

Carol.

Feira BioFACH 2013, Alemanha

Para minha felicidade e, principalmente, ansiedade, irei para a Feira BioFACH em Nuremberg, Alemanha!

Biofach-1024x461

A Biofach Nuremberg é a principal feira de produtos orgânicos no mundo, contando com cerca de 2.500 expositores (sendo 70% deles internacionais), além de mais de 40 mil visitantes de mais de 130 países. Lá encontram-se alimentos ecológicos, outros produtos naturais (brinquedos, presentes, tecidos…), Agricultura Orgânica e mercadotecnia, meios de comunicação e serviços, entre outros. Na Conferência Biofach apresentam-se temas sobre futuros acontecimentos, tendências e perspectivas do setor orgânico.

Esse ano o tema discutido muito nos interessa, colegas nutris. O tema “alimentação orgânica fora de casa e suas possibilidades” será não só debatido durante a Biofach 2013, que ocorrerá entre 13 e 16 de fevereiro, em Nuremberg, Alemanha, como também demonstrado na prática. Expositores e chefs mostrarão as várias possibilidades da alimentação orgânica out of home. 

“Comer fora de casa é uma tendência em todo o mundo. Comer orgânicos também já começa a se definir como tendência, ou ao menos se fala mais sobre o assunto e se começa a buscar alternativas para tanto. Entretanto, como conciliar as refeições externas com a grata possibilidade de encontrar no buffet de saladas e pratos quentes delícias feitas exclusivamente com alimentos orgânicos?

Trata-se, ainda, de questão de difícil solução não só no Brasil, mas também em um país que pode ser considerado referência em orgânicos: a Alemanha.

Naquele país, a proporção de produtos orgânicos nas refeições fora de casa é de apenas 1% do total, conforme o fundador e sócio-diretor da empresa de consultoria para soluções de catering sustentáveis Averdis, Rainer Röhl, “embora mais de um terço das despesas totais com alimentação dos alemães ocorra com a alimentação out of home (fora de casa)”, diz.

Entretanto, é um mercado que cresce mais rapidamente do que outros segmentos orgânicos, diz Rainer, impulsionado principalmente pela alimentação escolar (berçários, refeições e cantinas).”

Depois dessa maravilhosa experiência, viajarei pelas redondezas passando por Rothenburg, Fussen, Munique, Praga. Pela primeira vez   irei conhecer lugares onde a história prevalece, onde encontramos marcas do passado registradas em todos os cantos!

Claro, vou registrar todos os lugares gastronômicos que eu passar, assim como todos os produtos, utensílios e relíquias que eu encontrar.

Acompanhem o blog e sintam-se viajando pela Alemanha junto comigo!

Abraços cheios de carinho,

Carol

Filme: “Muito além do peso”

Quero compartilhar com vocês um vídeo muito importante: “Muito além do peso”.

“Um filme obrigatório para qualquer pessoa que se importe com a saúde das nossas crianças” (Jamie Oliver)

“Pela primeira vez na história da raça humana, crianças apresentam sintomas de doenças de adultos. Problemas de coração, respiração, depressão e diabetes tipo 2.

Todos têm em sua base a obesidade. O documentário discute por que 33% das crianças brasileiras pesam mais do que deviam. As respostas envolvem a indústria, o governo, os pais, as escolas e a publicidade. Com histórias reais e alarmantes, o filme promove uma discussão sobre a obesidade infantil no Brasil e no mundo.”

Esse vídeo conta com o apoio em desenvolvimento do Instituto ALANA, que é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos que trabalha para encontrar caminhos transformadores que honrem a criança. Para tanto, atua em um amplo espectro em busca de garantir condições para a vivência plena da infância, fase essencial na formação humana. São quatro frentes de atuação: Alana Comunidade, Alana Educação, Alana Defesa e Alana Futuro.

Possui a duração de 1 hora e 25 minutos, aproximadamente. Reserve um tempo no seu final de semana e assista junto com seus filhos, parentes, amigos…

Gostaria muito que vocês me escrevessem sobre o que acharam e, principalmente, o que seus filhos comentaram enquanto assistiam.

Vamos fazer a nossa parte?

Este slideshow necessita de JavaScript.

Docinhos de frutas secas e nozes sem açúcar!

Aproveitando o assunto de ontem “Mix de castanhas e frutas secas”, hoje trago pra vocês uma receita de docinhos para esse final de ano. Uma opção mais leve e saudável para quem não quer abusar!

Essa receita é do livro Simples e Sublime, de Isik Polater e Manju Patel.

3297b46ea4a96907e2ec9d74fe2eb69eIngredientes:

  • 2 xícaras de chá de frutas secas (tâmaras, figos e damascos) picadas
  • 1 xícara de chá de nozes (castanhas de caju, amêndoas e pistaches) misturadas
  • 2 colheres de sopa de manteiga sem sal
  • 1 colher de chá de cardamomo

Preparo:

Lave as frutas secas em água morna, verificando se não têm pedrinhas. Moa-as no processador ou pique-as em pedaços pequenos. Toste as nozes no forno até que as castanhas de caju estejam douradas. Depois que esfriarem, moa-as grosseiramente. Reserve. Derreta a manteiga numa panela, em fogo baixo. Acrescente as frutas picadas e continue mexendo até que fiquem macias. Adicione as nozes tostadas e misture bem. Abaixe o fogo, acrescente o cardamomo e torne a misturar. Abra a massa de frutas em uma superfície lisa, deixando 1 cm de espessura. Use moldes de biscoitos de diversas formas para cortar ou modele com as mãos. Guarde-os na geladeira

Esses docinhos duram de 2 a 3 semanas na geladeira.

DSC03257

Gostaram?

Mix de castanhas e frutas secas + receita Musli

Todo mundo acaba exagerando nessa época do ano, não é mesmo?  download

Que tal uma opção de lanche da manhã, ou da tarde, mais saudável e prático?

Carregue na bolsa um mix de castanhas e frutas secas!

Ricas em muitos nutrientes importantes para o equilíbrio e a harmonia do organismo as oleaginosas, sementes comestíveis de plantas, são excelente escolha para lanches rápidos no intervalo da manhã ou da tarde, assim como as frutas secas que são ótimas fontes de fibras, além de muito saborosas.

É muito simples. Embrulhe em papel manteiga (porção individual):

  • 1 castanha do Brasil (Pará)
  • 2 castanhas de caju
  • 2 nozes (ou noz pecã)
  • Amêndoas ou macadâmia ou avelã
  • 2 damascos secos ou 1 colher (sopa) rasa de uva passa

Veja só algumas propriedades:


Damasco seco Vitamina C, potássio, magnésio e ferro
Castanha do Pará Selênio
Semente de abóbora Ferro
Amêndoa torrada Cálcio


Aproveitando, trago pra vocês uma receita deliciosa para um café da manhã:

564848_414838038575255_331878534_nMusli

  • 1/2 xícara de aveia;
  • 1 colher de linhaça;
  • 3 damascos desidratados;
  • Uva passa a gosto;
  • 2 ameixas pretas, sem sementes, desidratadas;
  • 1 colher de sopa de leite de coco;
  • Frutas frescas a gosto;
  • Castanhas picadas a gosto;
  • Um fio de melado.

Preparação: deixar todos os ingredientes de molho em água filtrada por, pelo menos, 1/2 hora. Outras frutas desidratadas podem ser utilizadas. Não retirar a água. Picar os damascos e as ameixas. Misturar um fio de melado e 1 colher de sopa de leite de coco. Misturar as frutas frescas escolhidas. Nozes em pedaços podem ser misturadas nesse momento para das crocância.

O que acharam?

Receita do livro maravilhoso que encontrei: Ser Vegana, de Flavia Cassoli Leite e Maria Eugênia Cassoli Leite

Em família: menu de Natal!

Como prometi, hoje trago algumas receitas para o Natal!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Alguns de vocês podem pensar após ler esse post: “nossa, como uma nutricionista colocou essas receitas tão tradicionais. Bacon? Farofa?”. Pois é! Se você ao longo do ano manteve uma dieta equilibrada e saudável, não tem motivos para se privar de momentos com a família, em torno de uma mesa cheia de preparos que te lembrem a infância.

Momentos de prazer são os que renovam a saúde, a essência e a alma!

Bom Apetite e um Feliz Natal,

Carol

Salada verde com figo grelhado e molho de maçã e iogurte, Tatiana Cardoso do Moinho de Pedra 

Cozinha Travessa & Luciano Araújo - Imagens TransformadasMolho

  • ¼ de xícara de azeite de oliva extravirgem;
  • 1 ½ colher de sopa de vinagre de maçã;
  • 1 colher chá de mel;
  • 1 colher chá de coentro em grão;
  • ¼ de colher de chá de sal marinho.

Salada

  • 1 xícara de folhas de alface americana;
  • 1 xícara de folhas de rúcula;
  • 1 xícara de folhas de alface roxa;
  • 1 xícara de folhas de alface crespa;
  • 2 colheres de sopa de iogurte natural;
  • ½ colher de chá de azeite de oliva extravirgem;
  • 2 figos maduros e firmes com casca cortados ao meio;
  • 5 bolinhas de queijo de cabra fresco;
  • ¼ de xícara de folhas de salsinha.

Molho: numa tigela pequena, misture todos os ingredientes com um batedor de arame até que o molho esteja cremoso e emulsionado. Salada: Numa tigela, coloque as folhas rasgadas e o iogurte e tempere com o molho. Revire cuidadosamente com uma pinça de inox para que o molho fique impregnado em todas as folhas. Em uma frigideira, esquente o azeite em fogo alto. Disponha as 4 metades dos figos e doure por 2 minutos de cada lado. Distribua os figos sobre as folhas e o queijo de cabra e a salsinha.

Pilaf Indiano, Simplesmente Gourmet arroz+integral+com+ervas

Ingredientes: arroz basmati, lentinha vermelha sem casca, castanha de caju, damasco, tâmaras, uva passa, curry, tomate desidratado, cebola desidratada, cebolinha desidratada, salsa desidratada, alho desidratado e alecrim desidratado (ou frescos).

Preparo: Numa panela, aqueça uma colher de azeite. Acrescente o arroz, a lentilha, o tempero de vegetais e o curry. Refogue por 2 minutos. Junte a água e tempere com sal à gosto. Tampe a panela e deixe cozinhar em fogo brando. Desligue o fogo, misture as frutas secas e tampe novamente. Espere 5 minutos e sirva!

Receitas da nigella para o natal: abóbora, pecãs e roquefort 

_250_abobora_pecan_7960633467861570178Ingredientes (rende 6 a 8 porções)

  • 2 kg de abóbora (de pescoço);
  • 3 colheres (sopa) de azeite de oliva;
  • 6 ramos de tomilho fresco ou ½ colher (chá) de tomilho seco;
  • 100 g de nozes pecã;
  • 125 g de queijo roquefort ou outro queijo com veios azuis;
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto.

Modo de preparo
Pré-aqueça o forno a 220 ºC. Corte a abóbora na metade, deixando a casca, e tire as sementes. Corte em cubos de 2,5 cm. Você não precisa ser exato, mas tome o cuidado de deixar os cubos pequenos, de maneira uniforme. Ponha a abóbora em uma assadeira com óleo. Tire as folhinhas de 4 ramos de tomilho e polvilhe sobre a abóbora. (Se você não conseguir tomilho fresco, use o seco.) Asse por 30 a 45 minutos, até que esteja macia.

Quando tirar a assadeira do forno, transfira a abóbora para uma tigela e distribua as nozes e o queijo esmigalhado sobre ela. Mexa gentilmente, para misturar tudo. Acerte o tempero e junte o restante do tomilho, em pequenos galhinhos, para decorar.

 

Salpicão de Natal Tradicional, Dona Benta (pode ser feito sem o frango) 

Salpicao-de-frango350Ingredientes:

  • 1 e ½ xícara (chá) de frango defumado desfiado;
  • 1 xícara (chá) de cenoura ralada grossa;
  • 1 xícara (chá) de ervilha fresca cozida;
  • 2 maçãs Fuji pequenas em cubinhos;
  • 1 lata de milho verde escorrido;
  • ½ xícara (chá) de azeitonas picadas;
  • ½ xícara (chá) de uvas-passas escuras sem sementes;
  • 1 xícara (chá) de abacaxi em calda picado;
  • ½ cebola em cubinhos;
  • 1 dente de alho amassado;
  • 2 tomates maduros e firmes, sem sementes, em cubinhos.

Como fazer o tempero:
Ingredientes:

  • 1 xícara (chá) de maionese;
  • 1 caixinha (200 g) de creme de leite;
  • Suco de 1 limão;
  • Sal e pimenta-do-reino;
  • Salsinha picada;
  • Folhas verdes de sua preferência para enfeitar.

Modo de preparo:
Em uma tigela, misture todos os ingredientes do tempero. Numa vasilha grande, misture delicadamente os demais ingredientes e junte o tempero. Transfira para uma travessa decorada com folhas verdes e sirva.

 

Peru de Natal, Ana Maria Braga peru_receita3_thumb

 Ingredientes:

  • 1 peru (com  mais ou menos 4 ou 5 kg)
  • Tempero adobo a gosto
  • 1 garrafa de vinho tinto seco
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 2 dentes de alho amassados
  • 1 cebola picada
  • 200 g de croutons
  • sal e pimenta do reino a gosto
  • 2 cebolas em rodelas grossas (para forrar a assadeira)

Ingredientes para o tempero adobo:

  • 12 pimentões verdes;
  • ½ xícara (chá) de vinagre branco;
  • 2 xícaras (chá) de água;
  • ¼ colher (sopa) de azeite de oliva;
  • 2 cebolas médias;
  • 5 dentes de alho;
  • Cominho a gosto;
  • 4 xícaras (chá) de caldo de galinha;
  • 2 colheres (sopa) de açúcar mascavo;
  • ¼ xícara (chá) de suco de laranja;
  • ¼ xícara (chá) de suco de limão;
  • 2 colheres (sopa) de extrato de tomate;
  • 1 colher (sopa) de pimenta do reino preta moída a gosto.

Modo de preparo tempero adobo:
Toste os pimentões verdes diretamente na boca do fogão até que fiquem marrons escuro, virando de vez em quando para não queimar. Coloque os pimentões tostados em uma panela e adicione a água e o vinagre. Leve para ferver e deixe reduzir e cozinhar por 10 minutos Transfira essa mistura para um processador e processe até virar um purê. (Se necessário adicione 2 colheres de sopa de água para que fique uma pasta macia). Reserve.

Aqueça o azeite em uma panela média, salteie a cebola até que fique marrom (8 a 10 minutos). Junte o alho e doure levemente para soltar o aroma. Depois, adicione o cominho e cozinhe mais 1 minuto. Incorpore o caldo de galinha e a pasta de pimenta (reservada acima). Leve para ferver, deixe reduzir enquanto cozinha por 20 minutos.

Neste meio tempo, misture o açúcar mascavo, os sucos de limão e laranja, o extrato de tomate, sal e pimenta do reino preta moída a gosto. Adicione a mistura de pimentões da panela e deixe cozinhar por mais 15 minutos.

Montagem do peru:
Pegue o peru e passe o tempero adobo por dentro e por fora do peru. Coloque o peru dentro de um saco plástico grande e despeje 1 garrafa de vinho tinto seco. Deixe marinando a noite toda.

Em uma frigideira faça uma farofa com 2 colheres (sopa) de azeite, doure 2 dentes de alho amassados e 1 cebola picada. Assim que estiverem dourados, adicione 200g de croutons e salteie a frigideira para pegar sabor. Tempere com sal e pimenta do reino a gosto. Reserve.

No dia seguinte, retire o peru da marinada, recheie com a farofa de croutons e costure o peru com agulha grande e barbante, para que o recheio não saia. Aproveite e amarre as pernas do peru para que ele fique mais bonito na hora de servir.

Em uma assadeira grande, forre o fundo com cebola, fazendo uma cama. Embale o peru com papel alumínio, dando 5 voltas e fechando bem o papel no peru.

Coloque sobre a cama de cebola e leve ao forno pré-aquecido a 180°C a 200°C por 5 horas. Depois deste tempo, retire o papel alumínio,  veja se o peru está cozido e deixe dourando por mais 1 hora, sempre tomando o cuidado de não deixá-lo queimar.

Lombo de porco recheado com ameixas e bacon servido com purê de maçã 

Lombo-de-Porco-Recheado-comIngredientes

  • 1 ½ kilo de lombo de porco
  • 2 colheres de sopa de alho picado
  • Sal a gosto
  • Pimenta moída na hora
  • 1 ramo de alecrim
  • Tomilho fresco
  • 1 folha de louro
  • 1 copo de suco de laranja
  • 1 copo de vinho branco
  • Suco de um limão

Como Fazer
Passe o alho e o sal no lombo. Misture todos os outros ingredientes e despeje sobre o lombo. Deixe a carne nesta marinada por uma noite.

Recheio: 

  • 100 gramas de bacon picado
  • 250 gramas de ameixas secas sem caroços

Como fazer: 
Frite o bacon até dourar e junte as ameixas. Deixe refogar por dois minutos e desligue o fogo. Com uma faca faça um furo no centro do lombo em todo o comprimento. Rode a faca para alargar o buraco. Encha bem o buraco com as ameixas empurrando com o cabo de uma colher de pau. Amarre o lombo com barbante de cozinha. Aqueça seis colheres de sopa de azeite em uma panela grande. Retire o lombo do molho, enxugue com papel e doure-o na panela, de todos os lados. Junte então a marinada, e cozinhe o lombo devagar.

 

Bandeja de peixe com camarão e aspargos, blog Diga Maria 

travessa-de-peixe-04Ingredientes para a bandeja de peixe com camarão (serve 4 pessoas)

  • 4 filés de salmão (150 g cada), com pele, sem escamas e sem espinhos
  • 8 camarões grandes com casca
  • 1 maço de aspargos
  • 1 limão siciliano ou tahiti
  • 1 pimenta vermelha fresca pequena e sem sementes
  • 1 maço pequeno de manjericão fresco
  • 5 filés de anchova em conserva
  • 4 dentes de alho
  • 2-3 tomates médios
  • 4 fatias de bacon
  • Azeite
  • Pimenta-do-reino moída na hora
  • Sal

Ingredientes para a salsa verde

  • Folhas de 1/2 maço de hortelã fresca
  • 1 maço pequeno de salsinha fresca
  • 1 dente pequeno de alho
  • 2 colheres (sopa) de vinagre de vinho tinto
  • 1 colher (chá) bem cheia de mostarda Dijon
  • 1 colher (chá de alcaparras
  • 2 pepininhos em conserva
  • 2 filés de anchova em conserva
  • 4 colheres (sopa) de azeite

 Modo de fazer a bandeja de peixe com camarão e aspargos

Coloque numa assadeira – grande e que possa ir pra mesa – os camarões e os filés de salmão com a pele para cima. Elimine a parte dura do talo dos aspargos, tempere om sal e pimenta e os coloque na assadeira. Acomode também o limão cortado em quatro. Pique bem fina a pimenta vermelha e a distribua na assadeira junto com as folhas de manjericão. Desmanche os filés de anchova e os salpique pela travessa junto com o óleo da conserva. Esmague os dentes de alho com casca, coloque-os na travessa e regue com azeite. Corte os tomates em quatro e acomode-os. Distribua por cima as fatias de bacon e coloque a assadeira sob o grill quente, na prateleira do meio do forno, por 10 minutos ou até o bacon ficar crocante e o peixe cozido. Dica: se quiser montar a travessa com antecedência, deixe para cortar e colocar o limão na hora de levar ao forno.

Modo de fazer a salsa verde
Coloque num processador – ou num mixer, ou no liquidificador – as folhas de hortelã e as de salsinha (descarte os talos). Junte 1 dente de alho descascado, os filés de anchova, o vinagre, a mostarda, as alcaparras, os pepinos e o azeite. Bata até combinar tudo, experimente e acerte o sabor se necessário. Transfira para uma tigelinha e leve à mesa.

Bolo de Natal com frutas secas 7gb4pf6zp5jxvqv55c8djsjn5

Ingredientes

Recheio

  • 50 ml de brandy ou vinho do Porto
  • 100 ml de água
  • 400 g de frutas secas cristalizadas picadas
  • 100 g de ameixas pretas, sem caroço, picadas
  • 50 g de cereja cristalizada cortada em pedaços
  • 80 g de figo seco picado
  • 175 g de abacaxi ou outra fruta desidratada, picada
  • 50 g de casca de laranja ou de limão cristalizadas, picadas

Bolo

  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo peneirada (240 g)
  • 3 colheres (chá) de fermento em pó
  • 150 g de manteiga em temperatura ambiente
  • ¾  de xícara (chá) de açúcar demerara escuro (135 g)
  • Casca ralada de 1 laranja pequena
  • Casca ralada de1 limão pequeno
  • 50 g de castanhas do Brasil picadas
  • 50 g de avelãs e nozes picadas
  • 3 ovos
  • 1 ½  colher (chá) de especiarias moídas (canela, cravo e pimenta-da-jamaica)

Para decorar

  • Metades de nozes, nozes pecãs e castanhas do Brasil

Preparo

Na noite anterior ou várias horas antes de começar a fazer o bolo, misture o brandy com a água, as frutas secas e a ameixa, cubra com um pano e deixe repousar em temperatura ambiente. Quando for começar a fazer o bolo, preaqueça o forno a 170°C (moderado). Em uma tigela grande, acrescente os ingredientes que ficaram de molho na bebida e junte os demais ingredientes do bolo. Misture com uma colher de pau ou uma batedeira elétrica até que forme uma massa homogênea. Forre as laterais e o fundo de uma fôrma de fundo removível de 20 cm de diâmetro, com papel-manteiga, levemente untada com óleo.

Despeje a mistura de massa na fôrma e nivele a superfície. Decore com as metades de nozes, pecãs e castanha do Brasil e cubra o bolo com uma folha de papel-manteiga dupla, com um furo de 2 cm de diâmetro no centro. Leve para assar na grade do meio, por 1 hora a 1 hora e 30 minutos ou até que ao tocar o centro do bolo, ele estar quase firme. Retire do forno e deixe esfriar por 30 minutos antes de desenformar. Tire da fôrma, retire os papéis e deixe esfriar completamente. Guarde em uma vasilha hermética ou embrulhe em uma folha dupla de papel-manteiga e depois papal-alumínio. Dura por até 3 dias em temperatura ambiente.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Terra Madre Day: “Saberes e Sabores Locais”

A rede global slow food celebrou ‘Comendo localmente’ no dia 10 de dezembro

Desfrutando de uma refeição boa, limpa e justa

 

Comunidades ao redor do mundo comemoraram a alimentação local e sustentável neste 10 de dezembro, no 4º Terra Madre Day. Em 2011, cerca de 200.000 pessoas em 125 países nos cinco continentes participaram de mais de 1.000 eventos individuais para proteger, apreciar e promover alimentos de pequenos agricultores e produtores.

Nós celebramos o ‘Terra Madre Day’, em Joaquim Egídio, no sítio terra Mãe, no dia 10 de dezembro de 2012, através de um jantar colaborativo. A proposta foi chamar atenção para o alimento bom, limpo e justo, trazendo de volta a cultura local, e unindo toda a cadeia pela qual o alimento circula – produtores, chefs, estudantes, consumidores, entre outros. A proposta foi retomar a alegria que o alimento representa, contar histórias, lembrar de alimentos esquecidos, e criar empatia entre a comunidade.

O evento começou logo pela manhã com a chegada de colegas voluntários. Aos poucos as atividades foram distribuídas e todos colocaram a “mão na massa” na decoração e organização do salão, estrutura e preparos na cozinha.

O jantar foi preparado por chefs de restaurantes da região que se voluntariam e por ajudantes. A maioria dos ingredientes foram doados para a ocasião, vindos de produções vizinhas como hortaliças e leguminosas, frango, ovos, café, linguiça caseira e por doações de apoiadores como a Ocrim S/A Produtos Alimentícios que forneceu farinhas brancas e integrais para o preparo das massas e a Via Pax Bio com arroz integral e branco e soja em grãos.

 Nosso Terra Madre Day se juntou a centenas de eventos em todo o mundo, em um momento simbólico importante, incentivando o trabalho que está sendo feito a nível local para construir uma sociedade sustentável, um sistema alimentar local e demonstrando a diversidade de comunidades de todo o mundo que fazem parte desta rede global lutando por um futuro melhor.

Foi um momento mágico, sem diferenças. Todos puderam compartilhar suas vivências, fazer novos amigos e desfrutas de uma refeição boa, lima e justa!

Para pesquisar as centenas de eventos que acontecem em todo o mundo na Terra Madre Day, visite o mapa do mundo no site: http://www.slowfood.com/terramadreday/pagine/eng/mappa.lasso

O Slow Food é uma organização não-lucrativa, eco-gastronômico que trabalha para promover o alimento que é bom – uma dieta fresca e saborosa sazonal que liga a nossa cultura local, limpo – produzido com respeito para a saúde ambiental e humana, e justo -proporciona condições justas para os pequenos produtores e preços acessíveis para os consumidores. Slow Food International foi fundada oficialmente em 10 de dezembro de 1989 e hoje a associação cresceu para incluir mais de 100.000 membros em 160 países. A rede Terra Madre foi lançada pelo Slow Food em 2004 e agora conta com mais de 2.000 comunidades do alimento, cozinheiros, educadores e jovens.

 

Deixo registrada a minha emoção e a minha gratidão por ter participado desse momento incrível!